20.2.06

gostos não se discutem, mas podem se trocar?

O Manuel Jorge Marmelo deu-nos a provar, no Tatarana, uma colheita de vinho datada dos anos 30.

O trecho do Estado Novo lembrou-me que sou uma fraca de espírito e a vergonha da família. Não gosto de vinho. Também não gosto de cerveja, de café e de champagne, o que não me chateia nada, mas de vinho queria gostar. És nova, hás-de lá chegar, é um gosto que se aprende, tens é de beber bons vinhos, mas não gostas mesmo? Passo a vida a ouvir disto... Já não sou propriamente adolescente, não vejo hora de chegar (e onde já agora?), devo ser burra, já me deram bons vinhos (mal empregues) e não, não gosto mesmo, vou respondendo de gin tónico na mão.

Estou-me nas tintas a maior parte das vezes, mas... Queria sentir aquela cor sangue a quente nas faces, segurar o copo encostada a uma umbreira da porta, ir a um restaurante e gastar (ou fazer gastar) uma fortuna numa garrafa de não sei quantos anos, ir à terra e andar com o meu tio de adega em adega, chegar a casa do meu tio e não ouvir pela enésima vez e para ti é uma coca cola ou uma laranjada?, sujar uma toalha de mesa branca com uns pingos da minha pinga, encostar-me a uma umbreira da porta com um copo na mão (esta imagem não me sai da cabeça...). Pronto, está bem, admito, eu queria dar aquele ar de rapariga sofisticada quando é preciso e tasqueira desembaraçada quando calha e assim tem de ser.

Eu queria mesmo gostar de vinho. Quem me negou este gosto? E posso trocar? Cedo uma obsessão por Nestum de Arroz e por castanhas cruas. Chocolate, cerejas e maçãs são sagrados, não há vindima que mos leve.

10 Comments:

Blogger clark59 said...

Não se canse, minha cara. Uma pessoa que gosta de gin-tonic (blhuhaaac!!) não chega lá.
A não ser que... pergunte-me como

2:46 da manhã  
Blogger johnny handsome said...

Antes de mais duas perguntas: 1)Qual a marca de Gin preferida? Isto é muito importante para definir a tipologia alcoólica. 2)Qual a posição face ás caipirinhas?
Com respeito à vinhaça creio que o problema deve estar na dieta que o acompanha. É que nem todas as comidas vão bem com o néctar de Baco que, com os seus mais de 300 ingredientes, precisa de potenciadores de sabor para melhor ser apreciado. Por exemplo, para melhor apreciar uma boa água-pé o ideal é comer antes umas las cas de bacalhau sêco, cru.

8:54 da manhã  
Blogger Manuel Jorge Marmelo said...

Ainda um dia adquires espírito, Ana. Tu chegas lá. Mas é verdade que o gin não ajuda nada (para além do mal que te faz à vesícula...)
;))))

11:41 da manhã  
Blogger Raimundo Narciso said...

Pode não gostar de vinho mas o blog está... um gosto. E muito bem escrito. Hei-de pôr um link! Não deveria também recomendar?

5:56 da tarde  
Blogger Sony Hari said...

Como eu te compreendo nessa relação de queria-gostar-mas-não-consigo com o vinho. Só não entendo é porque, não gostando eu de vinho, gosto de ler sobre vinho, sobre as castas, etc...

7:00 da tarde  
Blogger maldito cinema said...

Bem... isso não é assim tão líquido... slavo seja. Eu que sou eu adoro um bom Gin Gordons de verão, com água tónica Sw. e sem falhar temperado a lima. Sim lima que os especialistas também sabem destas coisas. E para quem já lá foi a casa, sabe que o vinho corrente anda entre o Quinta dos Bons Ares 2001, Duas Quintas 2003, passando pela Quinta do Crasto. Para dias de festa, ainda há Touriga Nacional, colheira 1999 e uma Quinta da Pacheca. Ah, sem esquecer um bom Bacalhôa. Quem disse que Gin... incapacita paladares?

3:00 da tarde  
Blogger Roxanne said...

Foi o J. que me ensinou e continua a ensinar a gostar de vinho, devo-lhe isso. Tenho pena mas não o empresto. :-)))
E não me parece que precises de um copo de vinho na mão... o teu charme não passa pelo que está no copo, ao contrário da maioria...

6:00 da tarde  
Blogger johnny handsome said...

Hic! Eu é que sou o Perelesidente da Xunta. Hic!

9:04 da manhã  
Blogger AS said...

Clark: Como?
Johnny: 1) Gordons ou Bombay, sei lá, desde que não esteja marado. Ouve um dia um barman que me tentou dar um curso intensivo, mas eu já esqueci tudo... 2)Adoro caipirinhas! Este Verão aprendi a gostar delas com gelo normal, sem ser picado.
MJMarmelo: A vesícula está melhor...
rn: Obrigada!
Sony: Companheira!
maldito cinema: Gin forever!
Roxanne: Nem o J. me salvava... E não emprestas porquê?
Johnny: Larga o binho.

2:24 da manhã  
Blogger clark59 said...

Provavelmente a minha amiga anda mal acompanhada de vinho e de pessoas que o bebem. Não tendo, em adolescente, companheirizado com quem lhe ensinasse a diferença entre 'bubas' e palatais orgasmos, resta-lhe tentar uma vez mais endossar a boca para noviçais experiências. Conhecendo-lhe a diáspora de desejos, afianço-lhe que achega lá.

3:33 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home