15.2.06

hoje gostava de ser um cartoon

Que alguém me representasse a traço impulsivo, me fizesse em ironia e suscitasse a crítica. Que tecessem opiniões, organizassem revoluções e numa manif me queimassem ou elevassem. De uma maneira ou de outra, nunca a minha imagem será consensual mesmo...

2 Comments:

Blogger Samuel F. said...

Também não me importava!

10:28 da manhã  
Blogger Raimundo Narciso said...

Muito bonito. Muito bem escrito. Poesia.

10:46 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home